top of page

Alopecia Androgenética



Alopecia androgenética, ou calvície, é uma forma de queda de cabelos geneticamente determinada.


O cabelo é uma parte importante da nossa identidade. É sinônimo de confiança, força e beleza.  Devido à sua importância, a queda de cabelo pode ser muito traumática. 


De modo geral, a alopecia é o termo usado para caracterizar as várias formas de queda capilar. É um problema que acomete mulheres e homens - podendo mexer com a autoestima de ambos os sexos. Há diversas causas de alopecia, e somente o médico poderá avaliar a sua origem e indicar o melhor tratamento.


A alopecia androgenética é a mais comum. Apesar do termo “andro” se referir ao hormônio masculino, na maioria das vezes os níveis hormonais se mostram normais nos exames de sangue, na verdade ela está relacionada à sensibilidade do folículo piloso ao hormônio DHT (diidrotestosterona) que é proveniente da conversão da testosterona devido a ação da enzima 5 alfa redutase.


O DHT se liga aos receptores de andrógenos nos folículos capilares.Ele faz com que os folículos pilosos encolham. Como resultado, a fase anágena ou de crescimento do ciclo capilar diminui em comprimento, enquanto a fase telógena, ou de repouso, do ciclo capilar é estendida.


A fase anágena se torna mais curta com o tempo, até que, eventualmente, nenhum cabelo cresça além da linha do couro cabeludo. Além disso, a haste do cabelo torna-se mais fina à medida que o folículo capilar encolhe, de modo que o cabelo começa a afinar e fica mais sujeito a quebrar.


A doença se desenvolve desde a adolescência, quando o estímulo hormonal aparece e faz com que, em cada ciclo do cabelo, os fios venham progressivamente mais finos O cabelo geralmente fica mais fino na parte superior, na área frontal, logo atrás da linha do cabelo, mas permanece espesso na parte de trás. Essa alopecia não pode ser prevenida, mas pode ser controlada. 


Além de ter hábitos saudáveis, alimentação balanceada, exames médicos em dia e praticar atividade física, você também pode cuidar de sua saúde frequentando o profissional habilitado para a sua necessidade.


O tratamento baseia-se em estimulantes do crescimento dos fios como o minoxidil e em bloqueadores hormonais. O objetivo do tratamento é estacionar o processo e recuperar parte da perda.


Em casos mais extensos o transplante capilar pode ser uma ótima alternativa para devolver a autoestima. O procedimento restaura o crescimento natural do cabelo em áreas que ficaram ralas ou carecas.


O IDEPE conta com uma equipe especializada nos tratamentos das diversas patologias capilares, que envolve desde o tratamento clínico até o cirúrgico.⠀


479 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment


Sidnei Crepaldi
Sidnei Crepaldi
May 21, 2022

Eu quero fazer transplante capilar

Like
bottom of page